sábado, 30 de julho de 2011

CIELO FATURA O OURO NOVAMENTE, E ESTABELECE NOVO RECORDE MUNDIAL

Podem falar o que quiser, do caso de  dopping onde Cesar Cielo foi envolvido. Mas, ele definitivamente, já está marcado na história como um dos maiores atletas, da história da natação mundial e brasileira.

Cesar Cielo tem que ser colocado, no mesmo Hall de Pelé, Ayrton Senna, Oscar Schmidt, Gustavo Kuerten e outros atletas do nosso país, que marcaram suas épocas.

Ele á a cara da nossa natação.

Valeu Cielo !


Fonte da foto globoesporte.com:  http://globoesporte.globo.com/aquaticos/noticia/2011/07/cielo-exalta-superacao-e-dribla-clima-hostil-nao-vim-para-fazer-amigos.html

quarta-feira, 27 de julho de 2011

FELIPE FRANÇA É OURO NOS 50m. PEITO

No Mundial de 2009, em Roma, Felipe França ajoelhou-se no pódio e, com a medalha de prata pendurada no pescoço, desabou em choro. Ao seu lado, de pé, o sul-africano Cameron Van Der Burgh era o dono do ouro nos 50m peito. Dois anos depois, tudo mudou. Na manhã desta quarta-feira, já de noite na China, o brasileiro precisou de 27s01 para conseguir o que parecia improvável: derrubou o temido adversário, bateu em primeiro na piscina de Xangai e arrancou uma inédita medalha de ouro para o Brasil. No pódio, manteve-se de pé e não derramou uma lágrima. Ouviu o hino e sorriu. Desta vez, um sorriso de campeão mundial.


Foto:  (Foto: Satiro Sodré / AGIF)

segunda-feira, 25 de julho de 2011

A VOLTA POR CIMA DE CIELO

Em 23s10, Cesar Cielo despejou na água o que guardava trancado a sete chaves há um mês. A vitória na final dos 50m borboleta no Mundial de Xangai, nesta segunda-feira, fez o campeão olímpico desabar em lágrimas. Elas lavaram o rosto e alma do nadador, que viu seu nome envolvido em caso de doping. Absolvido pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) e agora com a medalha de ouro no peito, ele ainda enfrenta a resistência de alguns rivais – o queniano Jason Dunford, que nadou a prova na raia 6, fez sinal de negativo após o ouro brasileiro e ganhou apoio do sul-africano Roland Schoeman, campeão olímpico em Atenas-2004.

sábado, 23 de julho de 2011

PHELPS E LEZAK, NÃO CONCORDAM COM A DECISÃO DO TAS, SOBRE O CASO CIELO

A decisão do TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) de somente manter a advertência aos brasileiros Cesar Cielo, Henrique Barbosa e Nicholas Santos (reincidente, Vinícius Waked pegou um ano de suspensão), flagrados no exame antidoping, não foi muito bem recebida por Michael Phelps, também em Xangai para a disputa do Mundial de Esportes Aquáticos.

Mais no site globoesporte.com: http://globoesporte.globo.com/aquaticos/noticia/2011/07/quem-controla-seu-corpo-e-voce-mesmo-frisa-phelps-sobre-caso-cielo.html